"Não devemos permitir que uma só criança fique em sua situação atual sem desenvolvê-la até onde seu funcionamento nos permite descobrir que é capaz de chegar. Os cromossomos não têm a última palavra". (Reuven Feuerstein)

domingo, 6 de maio de 2012

POLÍTICAS PÚBLICAS PARA OS AUTISTAS


Muito triste mais uma vez: mais uma mãe de autista faleceu. E isto me fez refletir que precisamos urgente de políticas públicas para a pessoa com deficiência em nosso município. Esta mãe tem 2 filhos com deficiência: um com deficiência intelectual (moderada) e outro autismo infantil. As reivindicações estão sendo formuladas como: Informação à população e Investimentos na formação de profissionais com conhecimento de autismo; Implantação do Diagnóstico Precoce; Tratamento e Educação. Mas em caso de falecimento dos pais e a dificuldades dos irmãos ou familiares de não aceitarem este autista, para onde ele irá? Os autistas de nossa instituição (APAE) são todos de renda baixa. A maioria recebe benefício (BPC) mas o que vimos é que as famílias acabam usando para o sustento da casa também (porque precisam de assistência 24 horas por dia, a mãe fica impossibilitada de trabalhar, então esse dinheiro ajuda e muito em casa). Então precisamos nos preocupar também com políticas voltadas para o acolhimento desse deficiente em falta dos pais e de seu envelhecimento.

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. O maior culpado do aumento vertiginoso no numero de casos de autismo e´a exposicao constante das criancas a substancias toxicas, principalmente as vacinas e os antibioticos.

    As criancas comecam a ser vacinadas muito cedo, e o seu sistema imunologico nao esta preparado para receber tamanha carga toxica.

    A super ativacao do sistema imunologico, com vacinas multiplas no mesmo dia – como é o caso da triplice viral – causa deficiencia de uma proteina chamada glutatione que prejudica a eliminacao dos metais pesados do corpo da crianca. Como as vacinas contem metais pesados como mercurio e aluminio – altamente toxicos para o corpo humano – estes metais pesados acabam ficando na corrente sanguinea e sao levados para o cerebro causando, na realidade, um bloqueio mental.

    O homeopata holandes Dr. Tinus Smits, criou o seu proprio protocolo de desintoxicacao de vacinas com remedios homeopaticos e ja tratou mais de 300 criancas, com curas que chegam a ser de 100%!!

    Veja em http://www.cease-therapy.com

    Muitos homeopatas no mundo hoje sao certificados para fazer a terapia CEASE. Ha diversos blogs na internet de maes americanas e europeias que estao neste momento fazendo a desintoxicacao e vendo resultados espetaculares na cura de seus filhos.

    Veja aqui alexautismoysurecuperacion.wordpress.com

    No meu blog, estou contando sobre o tratamento do meu filho esta fazendo, porque a minha intençao é divulgar a terapia CEASE no Brasil. Ha quase nenhuma informacao sobre isso em portugues na internet.

    wwww.autismohomeopatia.blogspot.co.uk

    O autismo do seu filho tem cura, pesquise!

    ResponderExcluir